Consumidor
Quem será o consumidor de e-commerce em 2022?
16/02/2022
Dia do consumidor
Seu e-commerce está preparado para o Dia do Consumidor?
03/03/2022

Como está sendo a aceitação do PIX pelo e-commerce

pix

Muitas questões podem influenciar no processo de compra, não é? Algumas de modo mais ou menos significativo, e que podem, ou não, fazer com que o consumidor decida fazer a compra mesmo ou que desista dela no meio do caminho. Por exemplo, vamos supor que você queira um aparelho de cozinha qualquer. Em mente, você tinha algo vermelho, para combinar com a sua louça.

Ao chegar no e-commerce de sua preferência, você vê que eles só têm aquele produto em branco ou preto. Pensa “tudo bem, o importante é que o preço está bom”. Ou seja, houve um certo contratempo no seu processo de compra, mas você decidiu concluí-lo até o fim (para a felicidade do vendedor).

Muitos outros fatores podem agir dessa forma, como um mero detalhe, ou podem fazer com que o cliente desista de vez. Entre os mais relevantes que podemos citar são: preços que destoam do mercado, condições de entrega ruins (valor do frete, prazos ou área de abrangência) e os meios de pagamento. São tantas as opções atualmente! Cartões de crédito, débito, pix, boleto bancário, transferências, Paypal…

É fundamental estar atento às novidades do mercado e às necessidades do consumidor também, para que você possa atendê-las e fazer cada vez mais vendas. Você já utiliza todas essas possibilidades dentro do seu site? Uma delas completou seu primeiro ano e a resposta do consumidor tem sido muito positiva!

O que é o PIX?

Você, provavelmente, não só já ouviu falar dele como também já deve tê-lo usado em diversas ocasiões!

O PIX é um sistema de pagamento do Banco Central, em que as transferências são instantâneas e gratuitas entre os usuários e podem ser realizadas qualquer dia. Não tem mais essa história de dia útil ou dia de semana.

Há alguns meses foi necessário fazer algumas alterações com relação a transações muito altas feitas durante a madrugada. Isso para proteger o próprio usuário. Fora isso, não há muitas limitações. Fácil, gratuito, instantâneo. Não havia como o PIX não cair no gosto popular!

Além das transferências entre usuários (ou seja, pessoa física), você também pode fazer pagamentos a lojas (físicas ou digitais) e escanear QR Codes, pagando através da máquina de cartões. Realmente moderno e pronto para resolver todas as necessidades do consumidor.

E o PIX fez aniversário

No dia 16 de novembro foi comemorado o primeiro ano do PIX, que dá sinais de que ficará por aí por ainda muitos outros anos. Caso você não tenha se cadastrado para utilizá-lo, é muito fácil. Você pode fazer isso no app do banco no seu celular, em poucos segundos.

Basta clicar na opção PIX e depois cadastrar uma chave (que será o seu código pessoal, para que as pessoas possam te enviar dinheiro.

Essa chave pode ser o seu CPF, o e-mail, número de telefone ou uma chave aleatória. Ah, e é possível utilizar mais de uma.

Como ele tem sido utilizado pelo consumidor brasileiro

Como dissemos acima, o PIX caiu nas graças dos brasileiros. As estatísticas a respeito, divulgadas no final do último ano pelo Banco Central, indicaram que ele foi mais utilizado do que os boletos, TEDs, DOCs e cheques somados!

Ou seja, se adicionarmos todas as transações de TEDs e DOCs, mais os cheques descontados e mais os boletos emitidos, ainda teremos um número inferior ao de transações realizadas por meio do PIX.

Um número realmente surpreendente (mas compreensível), já que muitas dessas outras operações geram custos para o consumidor ou são gratuitas somente até certo número.

O PIX no e-commerce

Você já fez alguma compra no e-commerce através do PIX? E, se não fez, pelo menos reparou na opção disponível? A forma de pagamento teve a sua aceitação triplicada, de acordo com o portal Notícias dos Concursos.

Geralmente, ele funciona através do QR Code. Ao finalizar a compra você entra no seu aplicativo bancário, seleciona a opção do PIX,  aponta a câmera do celular para o QR Code e a identificação da empresa e valor será automática. Depois disso, basta digitar a sua senha e ponto. Compra realizada.

Essa possibilidade é muito prática para o consumidor e pode garantir novas vendas para o lojista.

Por isso a importância de implementá-la. A não aceitação do PIX pode ser um obstáculo que faça o cliente desistir, como falamos no início deste artigo.

Quais novidades estão por vir

O PIX se mostra moderno mesmo e, ainda que pouco mais de 1 ano de lançamento, algumas novidades já foram anunciadas:

  • Pix Saque
  • Pix Troco
  • Pix Débito automático
  • Transação de Pagamentos (ITP), uma possibilidade de redução do caminho para o pagamento, em que o usuário não precisa sair da página ou aplicativo em que está para se conectar ao banco e somente aí fazer o pagamento.

Além do PIX, você sabe como utilizar o Mercado Pago em seu e-commerce? Veja como implementar a ferramenta aqui!